21 de setembro de 2020

Opinião

Abatidos mas não destruídos

Opinião 11/07/2020

“Em tudo somos atribulados, mas não angustiados, perplexos, mas não desanimados, perseguidos, mas não desamparados, abatidos, mas não destruídos”. (II Coríntios 4. 8,9.)

 

Depois de realizar duas bem sucedidas viagens missionárias, a meta do apóstolo Paulo era seguir seu caminho missionário rumo à Espanha. No entanto, em vez de ir para a Espanha, Deus permitiu que o mesmo fosse para a prisão. No cárcere, ele poderia ter deixado se abater, mas em vez disto, decidiu: “Enquanto eu estiver aqui, posso escrever algumas cartas”. Por causa disto, as epístolas de Filemon, Filipenses, Colossenses, e Efésios, estão em nossa Bíblia. Quatro belíssimas cartas escritas na prisão. Sem dúvida, Paulo teria feito um grande trabalho na Espanha, mas pergunto: Teria tal trabalho o alcance que teve e continuam tendo, estas quatro cartas paulinas? Claro que não.

Caro leitor, você já esteve na posição de Paulo? Sei que já esteve. Você já esteve feito um rojão a caminho da Espanha, ou da faculdade, ou do casamento, ou da independência financeira, mas então veio a dispensa do trabalho ou mesma a falência, ou a gravidez não programada, ou a doença dos pais, e você acabou em uma prisão. E então disse Adeus Espanha, olá Roma. Então vem a pergunta: Como você lidou com isto? Ou melhor, como você está lidando como isto? Aceita uma ajuda? A Bíblia tem exatamente o que você precisa. Os dois versículos que destacamos acima, indica qual precisa ser nossa atitude. Nossos desapontamentos não podem nos parar. São nestas horas, que precisamos aprender que um problema de percurso, não pode nos fazer parar, pelo contrário, mesmo que estejamos feridos, saibamos que temos um Deus que cuida de nós. Devemos canalizar a nossa vida, na direção de Deus, e com certeza, por mais acentuados que sejam nossos desapontamentos, o nosso bom Pastor, saberá como nos ajudar. A maioria dos machucados tratados pelo pastor, é resultado da vida do pasto, espinhos que furam, pedras que cortam. Sendo assim, o pastor não quer que os cortes piorem. Não quer que um ferimento de hoje se torne em uma infecção amanhã. Justamente por isto, devemos aprender com Paulo que em tudo somos atribulados, mas não angustiados, perplexos, mas não desanimados, perseguidos, mas não desamparados, abatidos, mas não destruídos.

Deus vos abençoe.

 



COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

Veja mais Pastor Isaac Ribeiro

CLIMA EM FRANCA

32°
18°

MAIS LIDAS

COLUNISTAS

ECONOMIA Atualizado 1 hora atrás

  • Dólar Comercial:
    Data:
  • Dólar Turismo:
    Data:
  • Euro:
    Data:

LOTERIAS Atualizado 1 hora atrás

  • Mega-Sena: 2301
    Sorteio: 17, 18, 35, 36, 47, 52 Data: 19/09/2020
  • Quina: 5370
    Sorteio: 07, 10, 29, 41, 68 Data: 19/09/2020