Confira os horários das celebrações na Semana Santa

Franca Local A- A+ 13/04/2014 Autor(a): Thamara Pimenta Função: Repórter
Confira os horários das celebrações na Semana Santa

Foto de arquivo mostra a celebração do Domingo de Ramos

Os católicos iniciam neste domingo um momento para refletir sobre a vida e a fé. A Semana Santa começa com o Domingo de Ramos e termina com a celebração da ressurreição de Jesus no Domingo de Páscoa, dia 20. As paróquias da Diocese de Franca prepararam programação especial para celebrar a data com missas, encenação da Paixão de Cristo, procissões e adorações (veja programação abaixo).
 
Na Catedral Nossa Senhora da Conceição, a celebração do Domingo de Ramos está programada para iniciar nas primeiras horas da manhã. Às 8h30, na porta do Cemitério da Saudade, o bispo da Diocese de Franca, dom Paulo Roberto Beloto, fará a benção dos ramos e, em seguida, a procissão seguirá para a igreja onde será realizada uma missa solene.
 
“A mensagem do Domingo de Ramos é do acolhimento de Jesus em nossa vida. Assim como este Jesus entrou na cidade de Jerusalém, Ele quer entrar também na vida de cada pessoa, das famílias, das igrejas e da nossa sociedade. Ele é aclamado como um rei na sua entrada em Jerusalém, mas um rei que também se despoja e se oferece na cruz para nos salvar”, disse o bispo de Franca.
 
A programação iniciada neste domingo segue durante a semana em todas as paróquias e áreas pastorais da cidade. Na quinta-feira, o primeiro acontecimento do dia será celebrado apenas na Catedral. Às 9 horas, o bispo francano celebrará a missa solene do Crisma e realizará a Benção dos Santos Óleos.
 
“A segunda, terça e quarta-feira santas são dias comuns na liturgia onde a palavra de Deus que é proclamada na missa nos lembra a preparação de Jesus. Na quinta-feira santa temos três acontecimentos importantes, mas o primeiro se dá apenas na igrejas catedrais. É a chamada missa crismal onde o bispo abençoa os óleos que serão usados nas paróquias da Diocese para batizar as crianças, ungir os doentes, crismar os jovens e ordenar sacerdotes durante todo ano até a próxima Páscoa”, disse o pároco da Catedral, José Geraldo Segantin.
 
Encenação 
Na Sexta-Feira Santa é celebrada, às 15 horas, a Paixão de Cristo pelos católicos. “É o dia em que Jesus se entregou inteiramente e morreu pregado em uma cruz para a nossa salvação. É o dia de jejum, da abstinência de carne como uma expressão de respeito por aquela doação que Jesus teve inteiramente pela nossa salvação”, disse José Geraldo.
 
A programação incluiu via sacra, celebração, procissão e a encenação da Paixão e Morte de Jesus organizada pelo Grupo de Jovens Instrumentos do Senhor, da Paróquia São Judas Tadeu. A dramatização começa às 8h30 no salão da paróquia, na rua Liberdade, na Vila Nova, e deve ter duas horas de duração. A entrada é gratuita.
 
Ítalo Fábio Silva, um dos organizadores, disse que o espetáculo reúne em média 40 voluntários e são esperadas cerca de 1,5 mil pessoas para assistirem à encenação. “Estamos ensaiando há cerca de dois meses e começamos a montar o cenário na última segunda-feira. Tentamos não fugir do contexto litúrgico para reproduzir o mais real possível.”
 
Véspera
A programação continua no sábado com a Vigília Pascal, às 20 horas, e a celebração da Páscoa de Jesus: sua passagem da morte para a vida. O Domingo de Páscoa começa às 5h30 com a procissão da ressurreição e durante todo o dia haverá missas.
 
Em sua primeira Semana Santa como bispo da Diocese de Franca, dom Paulo Roberto espera “uma participação maciça dos fiéis. Já celebrei muitas semanas santas como padre, como bispo, mas aqui em Franca é a primeira. Celebrarei com muita generosidade, abertura e um espírito de oração. É um momento muito importante para todos nós católicos e de modo particular para o bispo.”
 

Comentário

Comente esta notícia

Não serão publicadas mensagens/comentários que desrespeitem a lei, apresentem linguagem ou material obsceno ou ofensivo, sejam de origem duvidosa, tenham finalidade comercial ou não se enquadrem no contexto da matéria comentada. A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do GCN Comunicação e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Seu comentário não será liberado instantaneamente. Antes, passará por análise da editoria on-line do portal.

*

*

*

Li e concordo com o código de conduta online.